Os Humanos do Orkut

Uma análise antropológica dos seres que habitam o orkut!

Caso Richthofen - Psicologia

Written by Ombudsman on 10:23 AM




Eu amo Suzane Richthofen

Você não leu errado. Esta é a comunidade criada para a delicadeza em pessoa chamada Suzane Richthofen.
Para quem não lembra, ela é aquela menina de classe média alta que foi acusada de matar os pais com ajuda do namorado. Recentemente, ela voltou à mídia por uma ensaiada entrevista dada ao fantástico. A falsidade dos relatos e o choro (sem lágrimas) mostra um pouco da personalidade da garota tema deste post.

Essa comunidade acima relatada foi feita em homenagem
Esse é um lado ruim da liberdade de expressão!? Ou apenas uma confusão feita por pessoas que não sabem diferenciar a ficção da realidade?! Gostar do bandido em um filme, é uma coisa até que aceitável

O Coringa Eu Amo a Samara Nós amamos Nazaré Tedesco

Porém, o que ocorre no caso da Suzane é uma completa falta de bom senso de quem participa, a não ser é claro por ironia. Entre os tópicos, encontra-se palavras de apoio, que exaltam sua beleza e, é claro, pessoas que fazem parte da comunidade apenas para dizer que todos que participam estão loucos.
Se pesquisarem um pouco mais, há profiles de parentes (fakes?) que defendem e alguns amigos (fakes?) que estão lá pelo mesmo objetivo.

O que Freud diria destes participantes ou dela?
Abuso sexual na infância?!

Related Posts by Categories



Widget by Hoctro | Jack Book
  1. 6 comentários: Responses to “ Caso Richthofen - Psicologia ”

  2. By Di on 11 de abril de 2006 16:54

    N sei oq essa garota vai faze da vida dela... cara n dá pra enfia na cabessa q essa guria fez e oq ta fazendo... Qnt a comunidade, putz, malucos eles... Mas, Eu Amo A Samara! heheheh

  3. By Valéria Sotão on 11 de abril de 2006 22:41

    Lamentável essa comunidade, realmente...

  4. By Anônimo on 13 de abril de 2006 23:10

    Só acho que os pais das pessoas que cometem essa loucura devem ficar espertos

  5. By Anônimo on 6 de junho de 2006 09:53

    Olha, não sei o que passa na cabeça de alguém que pode defender uma mulher como a Suzane! Realmente, acho que devemos ser humanos e deixar que o julgamento divino fale por nós, porque não somos ninguém pra julgar os outros. Mas, a justiça brasileira deve enxergar que ela não tem direito a porcaria nenhuma, como pode alguém arquitetar o assassinato daqueles que lhe deram a vida e, mesmo não tendo "colocado a mão na massa", foi ela que planejou e se ela não tivesse querido, nada disso teria acontecido. Ela é uma assassina fria e cruel que ainda foi pro enterro consolar o coitado do irmão pasmo com tudo. Ela não merece ter fãs alucinados e complexados que não tem o que fazer e criam um orkut, eu amo a fulaninha... Sinceramente? É uma assassina que tinha tudo nas mãos pra ser feliz e não venham dizer a sociedade brasileira que ó pobre, menina, era violentada pelo pai, ou tadinha se apaixonou e perdeu a virgindade com 15 anos, pra isso existem as autoridades, pra que sejam feitas denúncias e se ela não as fez, certamente aguentava passar pelo que supostamente passou, e quanto a virgindade perdida, problema sexual dela, isso não é motivo pra acabar com a vida de ninguém, se se apaixonou, não fosse submissa a ele ao ponto de arquitetar a morte dos próprios pais e, cá entre nós, problemas todo mundo tem, ou ela acha que com ela seria diferente? É uma grande assassina que não deve ter direito a um centavo do dinheiro da família, que tem que ficar na prisão pra pagar pelo que fez, como qualquer criminoso que às vezes, passa ano da cadeia por roubar uma lata de leite pro filho que tava com fome, ah, faça-me o favor!!!! Ah,ainda sobre os meros advogados dessa moça, que tentam defender o indefensível, procurem justificativas mais fáceis de engolir, um fala da paixão platônica de Suzane por Daniel que a levou a matar seus pais, outro fala que a coitadinha está em más condições, enquanto seu irmão Andreas, paga empregados pra cuidar da casa e dos cachorros. Rsrs, olha ele paga o que ele quiser e pra que quiser, o dinheiro é dele e ninguém tem nada a ver com isso. Finalmente, registro aqui a minha indignação que representa a indignação de todo um país pra que se faça justiça com essa criminosa que custe o que custar vai pagar pelos crimes que cometeu, que nem as falsas lágrimas, nem a carinha de santinha de meia tijela apagam!
    Que se faça justiça, AQUI SE FAZ, AQUI SE PAGA!!!!

  6. By Anônimo on 14 de junho de 2008 19:19

    Eu,sei muito bem o que os homen desse planeta espera de cada um de nos nada.nao a explicaçao que me leve a conpreeder um ser tao destito.entao vema opiniao de outres que acha que esta certo de tudo que se faz porque sua diciplina inplica a ele esta nessa posiçao e a unica coisa que ele perguta e se o mundo vai se dominado por louco.como?se tudo a nosso redor e loucura...e loucura para o jovens saber que que tudo ao seu redor se desevove enquanto ele continua na mesma,isto pertuba a mente em saber que tudo se desevover e fica cada vez mais conplicado e que o luga que antigamente ele podia pasear livremente agora nao pode mais ter aquela mesma liberdade porque que sabe que para outre ele so esta atrapalhado.
    sabemo muito o quanto erro existem detre a realidade e acho que todo nessa terra tem este mesmo istitor de matar uns apena sabe suporta outro nao porque nao sabemo o que reprimi assim tudo a sua vouta o reprime e parese que nao a soluçao porque tudo fogem de nossa mao.opiniao todo tem,mas porque os mesmo com sua opinoa gurda uma arma na sua casa?porque ainda produzimo arma porque quer dizer o mal existem dos dois lado.ai vem a psicologia e diz pese apena em cisne branco soldados depois de mata muito inocente na guerra porque o governo a qual o povo deu pode e autoridade nao gostou de uma lei.e começe a pesa que aquele que foro era um cançer e a nave de guerra as nossa arma sao como que o remedio indeua...a que eu quero ignar?a mim que nao e as veze e para e peso e digo nossa o quanto essa garota erro,mas ao mesmo tenpo que faço essa perguta porque sobe um tremedo odio a poto de quere mata-la porque o sere humano naop e bom nao e so eu os seu acusadore tanbem pesa o mesmo porque juga com as palavras,porque porque acha que acusao-la ou mata-la vai soluciona eu acho que nao mata um assassino e que o mata se torna o assassino e se permanecer matado numca vai muda nada de minha opinia e deixa ela viver e curtexa a liberdade e deixe a a natureza natural colocara as coisa em seu luga porque morreremo no final se mesmo presisar um ser dessa terra ter quie nos mata.eu acho que e assim desde que ela nao cometa o mesmo erro e assim que vai prevalecer aquele que luta pelo muito mais perfeito vai demora mas um dia vai muda.nao e questao de gosta da violecia ou da paz eu apena tenho que aceita o mundo como ele er e se pode fazer alguma coisa que realmente ira munda sim entao eu farei.estamo casado de saber de coisa redcula e violecia.mas nao tem com diz paz sem ter que pesa na guerra.nao dou razao para suzane e os irmaos cravinhos por ter cometido um sena tao babara,mas cuidamo do vivo porque o morto estao morto.suzane vive em liberdade e eu vi ela e madei prede-la uma vez que madei souta-la porque imaginei que ela estava usado droga mas em fim ganho a liberdade de vouta.que a liberdade,nao tem dinheiro para paga entao fique logem de droga.nao sou nada dela mas sei que droga leva realmente as pessoa a loucura a te mata por uma pedra de crak qual e o valor de um viciador nao queira saber nao tem valor a nao ser custa 5 reais e eles morre por isto.e eu acho que ela mudou muito e para melhor e nao esta figido claro nao que comete os mesmo erro fatasia de adolecente porque nao e possivel erra 3 vez.

  7. By Anônimo on 3 de agosto de 2014 01:38

    Não cabe a nós julgar o que foi feito. eles já estão pagando por isso, e, eles tem todo o direito de processar cada site por uso indevido de seus nomes.
    Especulações de antropólogos, psiquiatras, forenses ou não, só irão reforçar ainda mais a tese de que a psiquiatria não funciona, pois, a mãe dela era psiquiatra.

    Ficam algumas dúvidas em relação ao caso:

    1- Que tipo de família feliz terminaria dessa forma? Eram realmente felizes ou apenas fachada para a sociedade?
    2- Na época, ela tinha 18 anos. Ela ainda era virgem, e, segundo os jornais ele teria sido seu primeiro namorado. Com 18 anos? O que acontecia de fato nessa família? Ela era tratada como uma mulher ou como uma menina? Com uma mãe psiquiatra?
    3- Que tipo de psiquiatra era a mãe dela para não ter percebido alguma coisa? O mesmo tipo de psiquiatra que atende as pessoas normalmente? Aí aparecem antropólogos, psiquiatras, religiosos especularem sobre uma pessoa que nunca viram e que nunca estiveram em seu convívio familiar para falar. Mas, falar o que?
    4- Psiquiatras, antropólogos, religiosos, só estão querendo se promover em cima da desgraça alheia.
    5- Com tanto bandidão solto praticando seus crimes e ninguém fala nada. Porque? Medo?
    6- Não devemos punir duas vezes a mesma pessoa pelo crime que foi cometido.

Proposta

Este blog tem como objetivo expor e tentar analisar as relações sociais e a interferência cultural entre os seres que habitam o orkut.




Want to subscribe?

Subscribe in a reader.